História

Sao vicente

Sao vicente

Noticias 22 Agosto 2017

Veja as condições de tráfego nas estradas e balsas nesta terça-feira

Estradas

Rodovia dos Imigrantes: tráfego normal. 

Via Anchieta: tráfego lento sentido São Paulo, do km 13 ao km 10, devido ao excesso de veículos. 

Cônego Domênico Rangoni: tráfego normal.

Padre Manuel da Nóbrega: tráfego normal.

Operação em vigor nas estradas: o Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI) está em Operação Normal (5x5). A subida a São Paulo é realizada pelas Pistas Norte da Rodovia dos Imigrantes e Via Anchieta. Já a descida ao Litoral é feita pela Sul das duas vias.

Balsas

Para conferir as condições das balsas, tempo de espera, número de embarcações e câmeras, acesse aqui.

Tempo

Os termômetros devem variar entre 14°C e 21°C nesta terça-feira (22). Dia será nublado pela manhã, com possibilidade de garoa. Tarde de sol com diminuição de nuvens. Noite com muita nebulosidade.

Noticias 22 Agosto 2017

Pastor é líder de quadrilha que roubava igrejas em Cubatão

A Polícia Civil em Cubatão desmantelou uma quadrilha acusada de oito roubos, sendo seis deles contra templos evangélicos. Um dos integrantes do bando é pastor e se valeu dessa condição para passar aos comparsas informações privilegiadas sobre as igrejas assaltadas.

O religioso acusado trata-se de Givanildo Borges. Integrante da Igreja Mundial do Poder de Deus, ele era pastor do templo localizado na Vila dos Pescadores, em Cubatão, onde nunca mais apareceu após ser descoberto pela equipe do investigador Norberto da Silva Pereira.

“No templo onde atuava o pastor, há um aposento que ele ocupava. Realizamos diligência nesse quarto e, na presença de outros membros da igreja, apreendemos cinco notebooks roubados”, informou o delegado Antônio Sérgio Messias, titular de Cubatão.

Os notebooks foram recuperados no dia 6 de junho. No dia 1º do mesmo mês, eles foram roubados de um comércio de venda e assistência técnica de aparelhos eletroeletrônicos situado na Rua Dr. Carvalho de Mendonça, na Vila Belmiro, em Santos.

De algum modo, o pastor Givanildo soube da ida dos policiais à igreja e do encontro dos notebooks. Ele não voltou ao templo e Messias requereu a sua prisão temporária à Justiça, tendo o seu o pedido deferido. Desde então, o religioso é considerado foragido.

Os comparsas do pastor Givanildo também tiveram a prisão temporária decretada. Eles são Felipe Marcolino dos Santos, o Vovô; Roberth Lincoln Barroso Oliveira, o Chuchu, e Guilherme Augusto da Silva Júnior, o Didi.

Único preso

Apenas Didi está preso, conforme o delegado. “Após a quadrilha ser desbaratada, Didi foi capturado em Mongaguá por praticar um roubo com outros comparsas. Com a sua detenção, pudemos cumprir o mandado de prisão referente aos casos que esclarecemos pela Delegacia de Cubatão.

Além dos seis roubos a templos evangélicos e ao comércio de eletroeletrônicos, o bando é apontado como autor do assalto a uma residência em Bertioga, de onde foi levada, entre outros objetos, a pistola calibre 380 de um morador, no último dia 17 de junho.

Falsa bênção servia para ver locais

Um pedido de bênção era solicitado pelo pastor Givanildo antes de cada assalto cometido nas igrejas. A solicitação, entanto, era apenas um pretexto para que ele pudesse observar o local e repassar informações seguras aos parceiros.

“A quadrilha chegava de carro e o estacionava perto dos templos. Inicialmente, apenas o pastor se dirigia ao local e, após o culto, esperava sair a maioria dos fiéis. Com número reduzido de pessoas, dizia que precisava de oração e aproveitava para verificar o que poderia ser roubado”, contou o delegado Antônio Messias.

Concluída a bênção, Givanildo se despedia e revelava aos companheiros onde estava o dinheiro do dízimo e os objetos de valor que poderiam ser roubados. Em seguida, os comparsas do pastor executavam a parte operacional do assalto.

Além do dinheiro das ofertas dos fiéis, Didi, Vovô e Chuchu se apoderavam de celulares e demais pertences dos religiosos, bem como da aparelhagem de som e dos instrumentos musicais dos templos. Givanildo os aguardava com o carro ligado para lhes dar fuga.

Dos seis templos assaltados, um deles é da Igreja Mundial do Poder de Deus, da qual o pastor Givanildo fazia parte. Os outros cinco são da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD).

A IURD teve igrejas roubadas nos dias 13 de abril, 17 de abril, 25 de abril, 27 de abril e 19 de maio, respectivamente, em Mongaguá, na Zona Noroeste de Santos, em Peruíbe, em Guarujá e no Casqueiro, em Cubatão.

O assalto ao templo da Mundial aconteceu no dia 14 de maio, no município de São Roque, e foi considerado o mais grave pelo delegado. Entre os fiéis havia um guarda municipal, que teve o seu revólver calibre 38 roubado e ainda foi agredido.

“Ao ter a sua condição de guarda descoberta, ele teve a arma retirada da cintura e apontada para a cabeça. Um dos ladrões apertou duas vezes o gatilho, mas o revólver falhou. Não satisfeito, o bando agrediu a vítima, que precisou ser levada ao pronto-socorro. Até hoje está afastada do trabalho por trauma psicológico”, finalizou Messias.

Noticias 14 Novembro 2016

Uma grande exposição fotográfica! De 19/10/2016 a 13/11/2016 na Aciesv Associacão Comercial de Sao Vicente

Abertura da Exposição Fotográfica foi um sucesso!!!

Abertura Oficial. 19/10/2016 - até 13/11/2016

Todas as fotos à venda no local.:

 

 

 

 
Noticias 09 Junho 2016

Henri Cartier Bresson-Este é o primeiro da série "Fotógrafos da Semana"

Henri Cartier-Bresson

Retrato de Henri Cartier-Bresson, Paris, 1967, foto Robert Delpire

Gênio. Herói do fotojornalismo. Inovador.

Existem inúmeros adjetivos para tentar definir,

descrever ou situar Henri Cartier-Bresson na história da fotografia.

Nascido em 1908, na França, Cartier-Bresson desenvolveu cedo a aproximação com a arte.

Logo aos cinco anos foi apresentado à pintura por um tio e aos 19, em 1927,

estudou com o pintor cubista e escultor francês André Lheu.

Inclusive, foi nesta época que ele entrou em contato com as obras de grandes artistas

como os renascentistas Jan van Eyck, Paolo Uccello,

Masaccio e os escritores como Dostoevsky, Schopenhauer, Rimbaud, Nietzsche e Proust.

Foi um época de intenso aprendizado e que se refletiria em seus registros anos depois.

Em 1931, em uma viagem à Costa do Marfim, ele fez suas  primeiras e quando retornou à Europa,

passou a dedicar-se exclusivamente à fotografia.

Isto aconteceu porque Cartier-Bresson viu uma foto de autoria do fotojornalista Húngaro Martin Munkacsi

(que também influenciou Richard Avedon, como contamos aqui)

que retratava três meninos negros correndo nús em direção ao mar.

Cartier-Bresson define o momento:

“A única coisa que era uma surpresa completa pra mim e me levou à fotografia foi o registro de Munkacsi.

Quando eu vi a fotografia dos meninos negros correndo em direção à onda,

eu não pude acreditar que tal coisa poderia ser captada por uma câmera.

Peguei a câmera e fui para as ruas.” (…)

“Aquela fotografia me inspirou a parar de pintar e a levar a fotografia a sério.” (…)

“De repente eu entendi que a fotografia poderia captar a eternidade instantaneamente.” Henri Cartier-Bresson

A partir disso, Cartier-Bresson adquiriu a câmera que o acompanharia ao longo de muitos anos

e que seria quase uma extensão dos olhos do fotógrafo:

Uma Leica com lente de 50mm. Por ser pequena,ela permitia que Cartier-Bresson registrasse nas ruas momentos variados sem que as pessoas percebessem que estavam sendo fotografadas.Em 2003, juntamente com sua esposa, Martine Frank, inaugurou a Fundação Henri Cartier-Bresson, para manter um local permanente com seus trabalhos. Ele veio a falecer em 2004, em Montjustin, na França.

Noticias 02 Junho 2016

Novidade..."Fotógrafo da Semana"!

Esta será nossa "marca" para este e outros grandes fotógrafos da nossa época.

Aguardem...!!!

 

 

Noticias 12 Maio 2016

Fotos à venda em nossa Loja Virtual.

Voce encontrar esta e outras imagens em nossa Loja.::

www.gilbertogrecco.com.br

São Vicente Art

E-mail:: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Tel.: (13) 98827-6278 / (13) 98839-4803
Siga-nos