São Bernardo fica no topo da criação de emprego do ABC no 1º semestre

Segundo Ferião de Empregos - Poliesportivo / Foto: Ricardo Cassin

Com saldo de 1.424 postos em junho, segundo o Caged, cidade registra balanço de 7.019 no período

 

Com a prioridade estabelecida de política pública para geração de emprego e renda, a cidade de São Bernardo está no topo da lista quando se trata da criação de postos de trabalho no Grande ABC neste primeiro semestre de 2022.

 

De acordo com dados oficiais do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quinta-feira (28/07) pelo Ministério do Trabalho e Previdência, o município acumula o saldo de 7.019 vagas formais de emprego com carteira assinada entre janeiro e junho.

 

O saldo positivo no período se dá graças ao desempenho constante alcançado por São Bernardo, governada pelo prefeito Orlando Morando. O levantamento do Caged, computado no semestre inicial do ano - ainda que em momento de pandemia de Covid-19 -, aponta que a cidade registrou balanço de 67.663 admissões e 60.644 desligamentos, uma variação favorável de 2,80%, colocando o município na terceira posição entre os 39 que compõem a Região Metropolitana de São Paulo, atrás somente da Capital e de Guarulhos. 

O comportamento favorável de São Bernardo é comprovado pelos números referentes a junho no documento elaborado pelo órgão do governo federal. A cidade apresenta saldo positivo de 1.424 empregos no mês, variação de 0,56%, cenário que também põe o município na liderança dentro do âmbito regional. Isso porque o compilado do Caged mostra que foram abertas 10.932 vagas de trabalho formais e 9.508 demissões no último mês.

A quantidade de contratações em junho, além da oferta de programas de qualificação profissional, pode ser atrelada à edição do feirão do emprego em homenagem ao Dia do Trabalho, realizado no Ginásio Poliesportivo de São Bernardo, que contou com a inclusão de 31 empresas e na qual 3.904 pessoas participaram do evento na perspectiva de obter recolocação no mercado de trabalho. 

 

ÚLTIMOS 12 MESES – Com os novos números positivos formalizados pelo Caged, São Bernardo tem saldo de 13.271 empregos nos últimos 12 meses - foram 129.959 contratações e 116.688 demissões no período, variação de 5,43%. O panorama também é encabeçado por São Bernardo na esfera entre as sete cidades do Grande ABC.

 

APOIO – Outro ponto de destaque vinculado ao fomento de geração de emprego em São Bernardo é a atuação da CTR (Central de Trabalho e Renda). O órgão opera, na prática, como parceiro das empresas da cidade para auxiliar na recolocação no mercado, facilitando a ligação entre a iniciativa privada e quem está em busca de trabalho formal. A agência fica na Rua Padre Lustosa, 48, no Centro, com atendimento de segunda a quinta-feira, das 8h às 17h, e às sextas-feiras, das 8h às 15h. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone (11) 2630-7600/7618.

 

Image